Deixe um comentário

” Falar de amor “

Olho nos meus olhos me despindo por inteiro
Para sentir o amor que bate forte dentro do meu peito.
Abro a porta do meu coração que de amor transborda
Que dentro de mim dá sentido a minha vida.

Um amor que me trouxe a este mundo
Que alimenta a minha alma em qualquer momento.
Um amor que me faz feliz, que me faz chorar
Que permanece vivo no meu coração a pulsar.

Falar de amor é voltar a ser criança
Mostrando a candura de sua inocência
No desejo de ser assim por toda a vida
Com a pureza em toda a sua essência.

Falar de amor é transbordar de alegria
Quando em seu ventre surge uma vida
Que brotou do amor com outra pessoa
Formando os Laços de uma família.

Falar de amor é ver ele se multiplicar
Enchendo a casa de netinhos a brincar
Agradecendo a Deus tanta felicidade
Por esses momentos de plenitude.

Falar de amor é um constante renovar
É sentir saudade do que se foi
Para estar sempre a recordar
E suas histórias poder contar.

Como em um jardim o amor floresce
Mostrando nos galhos o espinho que cresce
Criando feridas que marcam sua vida para sempre
Ensinando que esse sentimento a tudo sobrevive.

Com todo esse amor que tenho no coração
Do fundo da minha alma nasceu a inspiração
Para escrever em prosa e verso este poema
Deste sentimento que completa a minha vida.

      Irene Moreira
 
 
 
“Quando se ama não é preciso entender o que se passa lá fora, pois tudo passa a acontecer dentro de nós.” (Lispector, Clarice)
 
 
 
5ª Edição Inspiração
Frase acima
Tema Livre
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: